Mais Novidades…

Olá pessoal! Vamos a mais novidades!

Tivemos acesso a mais dois rankings com informações sobre os jogos e sobre o anime. O anime conta com uma pequena queda, estando assim no décimo lugar da tabela (10/09 a 16/09). Espera-se que suba com o especial da Team Rocket.


Neste momento, Pokémon Black 2 e White 2 encontram-se em sexto lugar na tabela de vendas.

Trago-vos ainda uma entrevista com Junichi Masuda que podem ver em spoiler.

Espero que tenham gostado!
Cumprimentos, Tugadragon!


Entrevista com Junichi Masuda!

Esta entrevista foi cedida à Game Informer, onde Junichi Masuda explicou várias questões importantes sobre a marcar Pokémon.

Primeiro, Masuda revelou que a ideia de desenvolver Black 2 e White 2 nasceu através do interesse dos próprios membros da Game Freak num seguimento da história de Black e White. “Ouvi muitos funcionários a dizer que personagens como N e Ghetsis do jogo original era muito interessantes, e que eles gostavam de saber o que lhes aconteceu”, explicou. “Pensamos que talvez pudéssemos expandir esta história um pouco mais (…) além disso, nunca tínhamos feito uma sequência para jogos Pokémon, pelo menos uma sequência directa – então vimos isto como uma hipótese de desafio com algo novo”.

“Queríamos ter a certeza de que os jogadores dos títulos originais pudessem jogar a sua sequência”, prosseguiu Masuda, como justificação para a escolha da Nintendo DS como consola para Black 2 e White 2. “A DS é a consola com mais donos pelo mundo, então fez sentido colocar o jogo nela tendo em mente que queríamos que o maior número de pessoas experimentassem”.

Sobre a possibilidade de Pokémon tornar-se um jogo 3D no futuro, Masuda disse: “Tanto 3D como 2D têm as suas vantagens próprias. Por exemplo, ao olhar para o Pokémon na capa dos jogos podemos ver o quão boas podem ser as ilustrações em 2D, e nos jogos, uma das razões pelas quais usamos sprites é que procuramos um estilo visual cómico, quase como uma animação. Se pudéssemos agarrar no estilo que temos agora e transferi-lo para 3D sem problemos, isso era algo que faríamos. Mas não é apenas a aparência visual que importa, a sensação passada pelo personagem também é muito importante para nós. Há uma certa sensação característica ao controlar personagens 2D, que talvez mudaria ao passá-las para 3D”.

Em seguida, Masuda comentou sobre os barulhos feitos pelos Pokémon nos jogos portáteis: “Nos jogos originais, fui eu que fiz quem fez esses barulhos, e ao longo do tempo – podem não ter percebido – mas eles foram mudando. Mas nós definitivamente queremos mantê-los diferentes dos que estão presentes na animação”.

Outra questão colocada pela Game Informer foi sobre possíveis mudanças no sistema de combate. “Quando estávamos a criar os jogos originais, nós tentámos muitas coisas, diversos sistemas de combate diferentes. Tentámos até coisas para acabar como o conceito de HP”, explicou Masuda, prosseguindo: “Mas acabamos com o sistema que surgiu na versão final do jogo, e este tem evoluído com o tempo. Um dos conceitos básicos de Pokémon é o facto de ser um título que qualquer um pode jogar. Se colocássemos mais acção na jogabilidade, ou algo que obrigasse a criar um ritmo ao carregar nos botões, isso poderia ser muito difícil para algumas pessoas, especialmente para os menos acostumados com videojogos. A ideia de conseguir ir para o combate e pensar com cuidado nos seus próximos movimentos é algo que valorizamos muito nestes jogos”.

Por fim, Masuda afirmou que recebe vários pedidos dos fãs para que seja criado um MMO de Pokémon. “Jogar com pessoas de todo o mundo online é uma grande opção e que funciona muito bem, mas com os jogos de Pokémon queremos focar-nos na promoção de interacções cara-a-cara entre as pessoas. Queremos que elas joguem no mesmo local, tendo como exemplo os Campeonatos, em que pessoas de todo o mundo se reúnem para competir, isto é muito empolgante. Apesar do modo onine ser algo que queremos ter nos nossos jogos, encorajar a comunicação interpessoal cara-a-cara é algo que queremos continuar a promover”, explicou.

10 thoughts on “Mais Novidades…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *